Opinião de Leitura
A Arte da Retórica Floresce nas Sociedades Decadentes A Arte da Retórica Floresce nas Sociedades Decadentes

Autor: Herculano, Alexandre

Leitor: Miguel Chaiça

Opinião

Em "O Bobo" Alexandre Herculano situa o romance no ano de 1128, dias antes da batalha de S. Mamede que opôs o exército de D. Afonso Henriques ao da sua mãe D. Teresa. Assim podemos assistir às tramas medievais e à estratégia usadas por ambos os exércitos, assim como ao porquê do ódio que D. Afonso Henriques nutre pelo conde Peres de Trava, amante da mãe.
Nisto tudo, um homem tem um papel fundamental, alguém que todos menosprezam, alguém que aparentemente nada valia..., é ele D. Bibas, o Bobo da corte.
Alexandre Herculano, chefe da Torre do Tombo e com um acesso privilegiado aos factos históricos, escreve um romance espantoso, cheio de luz e ironia.
Uma época que deu origem à nossa nação, aliás, a batalha de S. Mamede teve uma importância capital em todo este processos, porque ao sair vitorioso desta batalha, D. Afonso Henriques proclama-se chefe dos portugueses e com pretensões a criar um reino.
Agora imaginemos que quem vencia era D. Teresa, simpatizante do reino da Galíza e sem quaisquer pretensões a expansões...
Um excelente livro de um excelente escritor.

Facebook

© Copyright 2003-2019 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE