Anselmo Borges

Deus manifesta-se, mas nunca directamente, sempre e só indirectamente. Jamais alguém viu ou falou directamente com Deus. Por isso, os livros sagrados não são um ditado divino - são Palavra de Deus em palavras humanas. Quer os seus autores quer os seus leitores escreveram e leram com uma pré-compreensão, isto é, no quadro de pressupostos históricos e culturais, interesses e expectativas. Portanto, a sua leitura nunca pode ser literal, pois implica sempre uma interpretação.

Diário de Notícias / 20061203




Facebook

© Copyright 2003-2019 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE