Alphonse Daudet

França
12 Mai 1840 // 17 Dez 1897
Escritor/Poeta

11 Citações

>>

Se tu soubesses, quando deixamos de ter os nossos velhos, até que ponto lamentamos não lhes havermos dado mais do nosso tempo.
O ódio é a cólera dos fracos.
A vida é uma caixa de instrumentos que espetam e cortam. A toda a hora, as nossas mãos sangram.

Diário
A melhor maneira de impor uma ideia aos outros, é fazer-lhes crer que é deles que ela parte.
A mulher põe no mundo toda a poesia e toda a doçura.
Uma experiência bem realizada é sempre positiva.
A gula começa quando deixamos de ter fome.
A obra que trazemos em nós parece-nos sempre mais bela do que aquela que fizemos.
A história é a vida das colectividades; a novela é a vida dos indivíduos.
Arte estranha a pintura, em que toda a novidade, mais violentamente ainda que na música, espanta, repele e irrita não somente o público, mas a maior parte dos amadores e dos críticos.

Recordações Literárias
>>
 

Facebook

© Copyright 2003-2017 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE