Zeca Afonso

Portugal
2 Ago 1929 // 23 Fev 1987
Cantor / Compositor

9 Citações



O emigra verga a mola
Num país que não é seu
Produz fortunas alheias
Com as mãos que Deus lhe deu.

Quadras
Faz falta aqui uma trova
Duma criança oprimida;
Ela que fale da fome,
Ela que fale da vida

Ela que fale da pomba
Que tem a asa ferida;
Ela que fale da nuvem
Que encobre a terra poluída.

Quadras
Daqui fala o monopólio
Daqui fala o capital
Diga cá senhor ministro
Quanto custa Portugal?

Quadras
Tenho debaixo da língua
O princípio duma trova
Hei-de encontrar uma rima
Dedicada à gente nova.

Quadras
Quando uma lancha se afunda
Nunca a culpa é do patrão
É sempre de quem se amola
Lá no fundo do porão.

Quadras
A velhice não se enjeita
Como o lixo da calçada
País que os velhos rejeita
Não é país, não é nada.

Quadras
É já miséria doirada
Ver comida boa e farta
E pagar uma fortuna
Por um quilo de batata.

Quadras
Hoje os tempos estão mudados
Mal vai para quem trabalha
Sai das tuas tamanquinhas
E luta contra o canalha.

Quadras
Os ricos mentem ao povo
Com artes de feiticeiro
Dizem que são pela Pátria
Mas só pensam em dinheiro.

Quadras
 

Facebook

Inspirações

Encher a Hora

© Copyright 2003-2019 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE