João Cabral de Melo Neto

Brasil
9 Jan 1920 // 9 Out 1999
Poeta/Diplomata

3 Poemas



O Fogo no Canavial (1)

A imagem mais viva do inferno./ Eis o fogo em todos seus vícios:/ eis a ópera, o ódio, o energúmeno,/ a voz rouca de fera em cio./ / E contagioso, como outrora/ foi, e hoje não é mais, o inferno:/ el...

Tio e Sobrinho (2)

À memória de/ Manoel José da Costa Filho/ / 1./ / Onde a Mata bem penteada/ do trópico açucareiro,/ o tio-afim, mais a fim/ que outros de sangue e de texto,/ dava ao sobrinho menino/ atenção ...

Autobiografia de um Só Dia (3)

A Maria Dulce e Luiz Tavares/ / No Engenho Poço não nasci:/ minha mãe, na véspera de mim,/ / veio de lá para a Jaqueira,/ que era onde, queiram ou não queiram,/ / os netos tinham de nascer,/ n...


Facebook

Controlar a Vida a 360 Graus

Vivemos numa sociedade dominada cada vez mais pelo mito do controlo. E o seu postulado dogmático é este: a receita para uma vida realizada é a capacidade de controlá-la a 360 graus. Não percebemos at...

A Minha Família é a Minha Casa

A solidão absoluta é não ter ninguém a quem dizer um simples: “tenho vontade de chorar”. Não precisamos de muito para viver bem – para ser feliz basta uma família e pouco mais. A família é a casa...
Inspirações

Dar ao Amigo

© Copyright 2003-2016 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE