Manuel Gusmão

Portugal
n. 1945
Poeta/Ensaísta/Tradutor

2 Poemas



Canção porque (não) Morres (1)

Este é o último livro, prometia/ como alguém que tivesse esquecido/ que assim sempre tinha sido - aquele/ era o último e depois que alguém viesse/ fechar a porta contra o som do mar./ - Pagava por jo...

Revolução Orbital (2)

Revolução orbital: vai-se a rosa transformando/ na coisa múltipla, amante e amada, na acção/ que assim a faz e nos acidentes mínimos – paisagens,/ estações dos dias e das noites, dos anos da históri...


Facebook

Inspirações

Sempre Bem Disposto

© Copyright 2003-2019 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE