Oswald de Andrade

Brasil
11 Jan 1890 // 22 Out 1954
Escritor / Ensaísta / Dramaturgo

6 Poemas



Estrondam em Ti as Iaras (1)

Desde Bilac/ Somos internacionalistas e portugueses júniors/ Gostamos de Camembert, do Nilo, de Frinéia e de Marx/ Carvões do mar/ Náufragos entre sustos e paisagens/ — «I don't know my elders!»/ Des...

Páscoa de Giorgio de Chirico (2)

Quando te debruçares/ Sobre a lívida ambiguidade/ Nada será interrompido/ Não estremecerá a estátua do físico/ Nem a sacra estupidez/ Nem a miragem/ Nem a fraternidade ansiosa/ / Ninguém quis comprar...

Ocaso (3)

No anfiteatro de montanhas/ Os profetas do Aleijadinho/ Monumentalizam a paisagem/ As cúpulas brancas dos Passos/ E os cocares revirados das palmeiras/ São degraus da arte de meu país/ Onde ninguém m...

Morro Azul (4)

Passarinhos/ Na casa que ainda espera o Imperador/ As antenas palmeiras escutam Buenos-Aires/ Pelo telefone sem fios/ Pedaços de céu nos campos/ Ladrilhos no céu/ O ar sem veneno/ O fazendeiro na red...

Bucólica (5)

Agora vamos correr o pomar antigo/ Bicos aéreos de patos selvagens/ Tetas verdes entre folhas/ E uma passarinhada nos vaia/ Num tamarindo/ Que decola para o anil/ Árvores sentadas/ Quitandas vivas de...

Noturno (6)

Lá fora o luar continua/ E o trem divide o Brasil/ Como um meridiano/ / Oswald de Andrade, in 'Obras Completas de Oswald de Andrade, São Paulo, 1991'...


Facebook

© Copyright 2003-2019 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE