António Serrão de Castro

Portugal
1610 // 1685
Poeta

Em Terra de Cegos, quem Tem um Olho é Rei

Nenhum erro cometi
em chamar torta á fortuna,
que a esta varia importuna
chamar cega sempre ouvi;
mas eu mais a engrandeci,
pois, se torta lhe chamei,
de mais um olho lhe dei;
e quem com um olho se achar
mui bem se pôde chamar,
na terra dos cegos, rei.

António Serrão de Castro, in 'Os Ratos da Inquisição'




Facebook

© Copyright 2003-2019 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE