Federico García Lorca

Espanha
5 Jun 1898 // 19 Ago 1936
Poeta/Dramaturgo

Gazel do Amor Maravilhoso

Com todo o gesso
dos campos maus,
eras junco de amor, jasmim molhado.

Com o sol e chama
dos céus malvados,
eras rumor de neve por meu peito.

Céus e campos
prendiam correntes em minhas mãos.

Campos e céus
açoitavam as chagas do meu corpo.

Federico García Lorca, in 'Divã do Tamarit'
Tradução de Oscar Mendes
// Consultar versos e eventuais rimas




Facebook

© Copyright 2003-2018 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE