8 Poemas



Os Amigos (1)

Voltar ali onde/ A verde rebentação da vaga/ A espuma o nevoeiro o horizonte a praia/ Guardam intacta a impetuosa/ Juventude antiga -/ Mas como sem os amigos/ Sem a partilha o abraço a comunhão/ Resp...

Balada dos Amigos Separados (2)

Onde estais vós Alberto Henrique/ João Maria Pedro Ana?/ Onde anda agora a vossa voz?/ Que ruas escutam vossos passos?/ Ao norte? ao sul? aonde? aonde?/ José António Branca Rui/ E tu Joana de olhos c...

Da Discrição (3)

Não te abras com teu amigo/ Que ele um outro amigo tem./ E o amigo do teu amigo/ Possui amigos também.../ / / / Mário Quintana, in 'Espelho Mágico'...

Como é Belo Seu Rosto Matutino (4)

Como é belo seu rosto matutino/ Sua plácida sombra quando anda/ / Lembra florestas e lembra o mar/ O mar o sol a pique sobre o mar/ / Não tive amigo assim na minha infância/ Não é isso que busco quan...

Posfácio à Toca do Lobo (5)

- Pai, vem da morte e vamos às perdizes./ Vejo a aurora, que tinge do seu rajo/ de dente a dente a Serra de Soajo.../ - Ciprestes, desatai-o das raízes!/ / - Este Inverno as perdizes estão em barda:/...

O Amigo (6)

Embora seja teu amigo/ não nos encontraremos nunca./ Jamais verás a minha sombra/ quando eu caminhar ao teu lado/ nem ouvirás minhas palavras/ se um dia eu te gritar bem alto./ Só no momento em que m...

Cantar de Amigo (7)

O claro pão/ que repartimos/ dá-nos um título:/ companheiros./ / A indagação/ que aprofundamos/ faz de nós, artesãos,/ camaradas./ / O olhar sem visgo,/ a voz precisa,/ o gesto mundo,/ eis-nos: amigo...

Deixa, Moreira, o Mundo (8)

(Ao seu Amigo)/ / Deixa, Moreira, o mundo; é tempo agora/ De ver da praia firme o golfo insano,/ As velas colhe, e o tarde desengano/ Com levantadas mãos devoto adora./ / Repousa pois: o mundo hoje d...


Facebook

.
© Copyright 2003-2017 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE