4 Poemas



No Céo, se Existe um Céo para quem Chora (1)

No céo, se existe um céo para quem chora./ Céo, para as magoas de quem soffre tanto.../ Se é lá do amor o foco, puro e santo,/ Chama que brilha, mas que não devora.../ / No céo, se uma alma n'esse es...

O Céu, de Opacas Sombras Abafado (2)

O céu, de opacas sombras abafado, / Tornando mais medonha a noite fea, / Mugindo sobre as rochas, que saltea, / O mar, em crespos montes levantado; / / Desfeito em furacões o vento irado;/ Pelos ares...

Juízo (3)

Quando, nos quatro ângulos da Terra,/ Troarem as trombetas ressurgentes,/ Despertadoras dos mortais dormentes,/ Por onde um Deus irado aos homens berra:/ / Prontos, num campo, em apinhada serra,/ Tod...

Desfraldando ao Conjunto Fictício dos Céus estrelados (4)

Desfraldando ao conjunto fictício dos céus estrelados / O esplendor do sentido nenhum da vida... / / Toquem num arraial a marcha fúnebre minha! / Quero cessar sem consequências... / Quero ir para a m...


Facebook

A Culpa é uma Doença

A culpa é uma doença que te arrasta e se alastra aos outros. De um momento para o outro, tu próprio, por habituação, culpasse por tudo e por nada, por situações em que podias ter feito melhor e por o...

A Europa como um Novo Império Germânico

Uma vez mais. Sou um europeu céptico que aprendeu tudo do seu cepticismo com uma professora chamada Europa. Não falando da questão do «ressentimento histórico», a que sou especialmente sensível, mas ...
© Copyright 2003-2016 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE