4 Poemas



Quando Analiso a Conquistada Fama (1)

Quando analiso/ a conquistada fama dos heróis/ e as vitórias dos grandes generais,/ não sinto inveja desses generais/ nem do presidente na presidência/ nem do rico na sua vistosa mansão;/ mas quando ...

Cegos como as Peças de Ouro Reluzentes (2)

A Fama, a Glória, as Armas, a Nobreza,/ A Ciência, o Poder e tudo quanto/ Em honra e distinção, de canto a canto,/ Encerra deste mundo a vã Grandeza,/ / A Pluto, cego deus, com vil baixeza/ Adoram de...

Não Busco N'esta Vida Glória ou Fama (3)

Não busco n'esta vida glória ou fama:/ Das turbas que me importa o vão ruído?/ Hoje, deus... e amanhã, já esquecido/ Como esquece o clarão de extincta chama!/ / Foco incerto, que a luz já mal derrama...

Se Comparo Poder ou Ouro ou Fama (4)

Se comparo poder ou ouro ou fama,/ Venturas que em si têm occulto o damno,/ Com aquele outro affecto soberano,/ Que amor se diz e é luz de pura chama,/ / Vejo que são bem como arteira dama,/ Que sob ...


Facebook

Como a Europa Vê Portugal

O juízo que de Badajoz para cá se faz de Portugal não nos é favorável... Não falo aqui de Portugal, como estado político. Sob esse aspecto, gozamos uma razoável veneração. Com efeito nós não trazemos...

Comece a Ouvir a Voz Dentro da Sua Cabeça

Comece a ouvir a voz dentro da sua cabeça com tanta frequência quanto possível. Preste especial atenção a quaisquer padrões de pensamento repetitivos, às velhas cassetes que têm passado dentro da sua...
© Copyright 2003-2016 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE