2 Poemas



Soneto de Fidelidade (1)

De tudo, ao meu amor serei atento/ Antes, e com tal zelo, e sempre, e tanto/ Que mesmo em face do maior encanto/ Dele se encante mais meu pensamento./ / Quero vivê-lo em cada vão momento/ E em seu lo...

O Indiferente (2)

Posso amar tanto louras como morenas,/ A que cede à abundância e a que trai por pobreza,/ A que busca a solidão e a que se mascara e brinca,/ Aquela que o campo cultivou e a da cidade,/ A que acredit...


Pesquisa

Facebook

O Mundo Transformado em Poder da Palavra

O poema é um objecto carregado de poderes magníficos, terríficos: posto no sítio certo, no instante certo, segundo a regra certa, promove uma desordem e uma ordem que situam o mundo num ponto extremo...

Os Amigos Nunca São para as Ocasiões

Os amigos nunca são para as ocasiões. São para sempre. A ideia utilitária da amizade, como entreajuda, pronto-socorro mútuo, troca de favores, depósito de confiança, sociedade de desabafos, mete nojo...