9 Poemas



Outono (1)

O outono vem vindo, chegam melancolias,/ cavam fundo no corpo,/ instalam-se nas fendas; às vezes/ por aí ficam com a chuva/ apodrecendo;/ ou então deixam marcas; as putas,/ difíceis de apagar, de tão...

Cai a Chuva Abandonada (2)

Cai a chuva abandonada/ à minha melancolia,/ a melancolia do nada/ que é tudo o que em nós se cria./ / Memória estranha de outrora/ não a sei e está presente./ Em mim por si se demora/ e nada em mim ...

Calmaria (3)

Nada!/ Horas e horas neste ponto morto/ Onde caiu agora a minha vida.../ Nem um desejo, ao menos!/ Só instintos pequenos:/ Apetite de cama e de comida!/ / Nem sequer ler um livro/ Ou conversar comigo...

Melancolia (4)

Oh dôce luz! oh lua!/ Que luz suave a tua,/ E como se insinua/ Em alma que fluctua/ De engano em desengano!/ Oh creação sublime!/ A tua luz reprime/ As tentações do crime,/ E á dôr que nos opprime...

Derramado (5)

Raro e vazio dia./ Calmo e velho dia./ Os membros lassos debruados deste cansaço sem porquê./ / Raro e vazio dia,/ assim inteiro e implacável/ na solidão grave e trágica do meu quarto nu./ / Perdido,...

Pôs-se o Sol (6)

Pôs-se o sol... Como já na sombra feia/ Do dia pouco a pouco a luz desmaia,/ E a parda mão da noite, antes que caia,/ De grossas nuvens todo o ar semeia!/ / Apenas já diviso a minha aldeia;/ Já do ci...

A Imprecisa Melancolia (7)

Nada o distrairia/ nessa procura, disse./ Este o recado/ da contingência:/ / era verão e fazia/ muito calor./ Saía cedo, cortando/ a passos lentos/ a sombra das 9:30./ Caminhar até à vertiginosa/ que...

Resgate (8)

Meus pés moídos na calçada,/ minhas tardes envenenadas de álcoois nos cafés,/ e o vazio por dentro/ a encher o tédio das horas sem nome./ / Tudo isto/ - moeda triste/ que nem chega a pagar o sol da t...

CF (9)

Nos teus lábios a noite/ descreve um arco./ É o ciclo da melancolia/ que se fecha./ Talvez não regresse./ Por outros sinais/ lamentaremos a beleza/ que, nos teus lábios,/ a noite fez cessar./ / Lu...


Facebook

Estamos Nós Realmente Salvando o Mundo?

Hoje a pergunta com que nos confrontamos é simples: estamos nós realmente salvando o mundo? Não me parece que a resposta possa ser aquela que gostaríamos. O mundo só pode ser salvo se for outro, se e...

Não se Pode Viver Assim!

Temos na natureza muitas coisas contra as quais lutar, mas há um inimigo pior que todos os furacões e terramotos, o próprio ser humano. A natureza com todos os seus vulcões, terramotos, furacões e in...
Inspirações

Rirmos Juntos

© Copyright 2003-2016 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE