Almeida Garrett

Portugal
4 Fev 1799 // 9 Dez 1854
Escritor/Dramaturgo/Orador

4 Textos



O Homem Deformado pela Sociedade (1)

Formou Deus o homem, e o pôs num paraíso de delícias; tornou a formá-lo a sociedade, e o pôs num inferno de tolices. O homem — não o homem que Deus fez, mas o homem que a sociedade tem contrafeito, a...

Mais umas poucas Dúzias de Homens Ricos (2)

Não: plantai batatas, ó geração de vapor e de pó de pedra, macadamizai estradas, fazeis caminhos de ferro, construí passarolas de Ícaro, para andar a qual mais depressa, estas horas contadas de uma v...

Este é o Verdadeiro Amor de que Tanto se Fala (3)

Estranho e inexplicável sentimento este! Que quando sinto transbordar-me do coração toda esta imensa ventura, acomete-me então um terror grande - parece-me que é impossível ser tão feliz - que o Mund...

Possuir-te é Gozar de um Tesouro Infinito (4)

Que suprema felicidade foi hoje a minha, querida desta alma! Como tu estavas, linda, terna, amante, encantadora! Nunca te vi assim, nunca me pareceste tão bela! Que deliciosa variedade há em ti, minh...


Facebook

Sermos Humildes

Sermos humildes passa por reconhecermos a nossa condição de pobres, não só do ponto de vista material, mas sobretudo quanto à enorme distância que nos separa da nossa própria perfeição. Daquilo que p...

Uma Mentira

Uma mentira, fina como um cabelo, perturba para sempre a ordem do mundo. Aquilo que sabemos tem muita importância. Tomamos decisões, vamos por aqui ou por ali, consoante aquilo que sabemos. E tudo o ...
© Copyright 2003-2016 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE