James Joyce

Irlanda
2 Fev 1882 // 13 Jan 1941
Escritor

5 Textos



Um Presente de Natal (1)

Minha querida Nora,
Envio-te por correio registado, expresso e seguro um presente de Natal. É o melhor que te posso oferecer (embora seja bem humilde, no fim de contas) em troca do teu amor s...

Desgastei o Teu Amor (2)

Hoje não me atrevo a encabeçar esta carta com qualquer nome carinhoso.
Li a tua carta, e passei o dia a sentir-me como um rafeiro que tivesse levado uma chibatada no focinho. Já não durmo há ...

Quero Dar-te Todo o Prazer e Alegria (3)

Minha querida,
São quase duas da manhã. Tenho as mãos a tremer de frio, porque tive de sair para ir buscar as minhas irmãs a uma festa; e agora tenho de ir a pé aos Correios Centrais. Mas não...

A Beleza da Tua Alma Eclipsava a dos Meus Versos (4)

Minha querida Nora,
Parece-me que estás apaixonada por mim, não estás? Dá-me prazer pensar que estás a ler os meus versos (embora tenhas levado cinco anos a descobri-los). Quando os escrevi, ...

Só Ouço a Tua Voz (5)

Minha querida Nora,
Acabou de dar a uma. Voltei para casa às onze e meia e passei as últimas horas sentado numa poltrona, como um idiota. Não consegui fazer nada. Só ouço a tua voz. Estou com...


Facebook

© Copyright 2003-2018 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE