Martin Amis

Inglaterra
n. 25 Ago 1949
Escritor

Actores Puros

Porque será que sentimos um desejo de proteger ao observarmos o ser amado que não se sabe observado? Porque será que nos dói o coração ao vermos um par de sapatos abandonado? Ou o ser amado que dorme? Pode ser que o corpo adormecido do ser amado expresse todo o patético desta ausência, todo o desamparo de quem ignora que está a ser observado...Os actores são pagos
para fingir que não sabem que estão a ser observados, mas é claro que eles esperam a cooperação de quem os observa, e quase sempre a obtêm. E também há os actores que não são pagos (pensei eu): esses é que é preciso observar.

Martin Amis, in 'Money'




Outros Textos de Martin Amis:

Facebook

© Copyright 2003-2019 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE