Cal

por: José Luís Peixoto
Portugal
n. 4 Set 1974
Escritor

3 Textos



O Outono da Vida (1)

Começa devagarinho. É como tudo. A gente andamos na nossa vida, andamos influídos e está claro que não reparamos. De manhã, temos de pensar no café.
Depois, há-de vir o almoço. Está claro que...

A Mulher de Negro (2)

Os sons da floresta, as árvores, a bicicleta e, ao longe, o silêncio imóvel de um vulto negro. Aproximei-me e era uma mulher vestida de negro. Um xaile negro sobre os ombros. Um lenço negro sobre a c...

Quando Chegar esse Momento (3)

Meu querido, que és o meu querido. Tanto que eu esperei por isto, meu amor bendito. Tantas noites acordada a olhar para o tecto do quarto, a noite inteira a passar tão devagarinho e eu sempre a pensa...


Facebook

© Copyright 2003-2019 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE