Nelson Mandela

África do Sul
18 Jul 1918 // 5 Dez 2013
Estadista, Nobel da Paz

Para Conquistar um Mundo Novo

Por alguma razão aqueles que não têm alma, nenhum sentimento de orgulho nem ideais de vitória nunca sentirão nem a humilhação nem a derrota, não podem desenvolver nenhuma herança nacional, não são inspirados por qualquer missão sagrada e não podem produzir mártires nem heróis nacionais. Não serão aqueles que se mantêm à distância, de braços cruzados, que conquistarão um mundo novo, mas sim aqueles que estão na arena, com as roupas rotas pela violência dos combates e os corpos mutilados no decurso da luta. A honra é apanágio daqueles que nunca desistem da verdade mesmo quando as circunstâncias parecem adversas e sombrias, que tentam sem cessar, que não se deixam abater pelos insultos, pela humilhação ou mesmo pela derrota. Desde os alvores da história, o género humano sempre honrou as pessoas destemidas e honestas, homens e mulheres como tu, minha querida - uma jovem comum oriunda de uma aldeia rural que não consta da maior parte dos mapas, um kraal modestíssimo mesmo segundo os padrões dos camponeses.
A minha dedicação a ti impede-me de dizer mais em público do que aquilo que já disse nesta carta que possivelmente passará por muitas mãos. Chegará o dia em que teremos a privacidade que nos permita partilhar os ternos sentimentos que temos escondido nos nossos corações durante os últimos oito anos.

Nelson Mandela, in 'Carta a Winnie Mandela, 23 Junho 1969'




Facebook

Inspirações

O Amor como Fim

© Copyright 2003-2019 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE