Anselmo Borges

No fundo, queremos esta vida, que amamos, mas plena. Queremos a bem-aventurança, a felicidade. Não sabemos exactamente o que queremos, pois é o desconhecido - um «não sei quê» -, mas neste não saber sabemos e experienciamos que essa realidade tem de existir: é ela que nos arrasta e é para ela que somos impelidos.

Diário de Notícias / 20080322




Facebook

Inspirações

Dar e Receber

© Copyright 2003-2019 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE