Blaise Pascal

França
19 Jun 1623 // 19 Ago 1662
Filósofo, Matemático

19 Citações

>>

O último esforço da razão é reconhecer que existe uma infinidade de coisas que a ultrapassam.
Pensar faz a grandeza do homem.
Quando considero a duração mínima da minha vida, absorvida pela eternidade precedente e seguinte, o espaço diminuto que ocupo, e mesmo o que vejo, abismado na infinita imensidade dos espaços que ignoro e me ignoram, assusto-me e assombro-me de me ver aqui e não lá. Quem me pôs aqui? Por ordem de quem me foram destinados este lugar e este espaço?
Uma indiferença pacífica é a mais sábia das virtudes.
O que é o homem na natureza? Um nada em relação ao infinito, um tudo em relação ao nada, um ponto a meio entre nada e tudo.
Pesemos o lucro e a perda tomando por coroa (no jogo de cara ou coroa) que Deus existe. Avaliemos estes dois casos: se vencerdes, ganhais tudo; se perderdes, não perdeis nada. Apostai, portanto, que ele existe, sem hesitar.
A opinião é a rainha do mundo.
O coração tem razões que a razão ignora.
Condição do homem: inconstância, tédio, inquietação.
Quando se vê o estilo natural (do escritor), é-se assombrado e arrebatado, pois esperava-se ver um autor e encontra-se um homem.
>>
 

Facebook

Inspirações

A Simples Harmonia

© Copyright 2003-2019 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE