Publicidade

Versos: As Mãos

14 Versos

>>

"Brandamente escrevem dos espasmos do sol"
Autor - Orlando Loureiro Neves
//VER DETALHE
"Envelhecem do pulso ao cérebro, ao calor baço"
Autor - Orlando Loureiro Neves
//VER DETALHE
"de um revérbero no eixo dos ventos, usura"
Autor - Orlando Loureiro Neves
//VER DETALHE
"das máscaras que, sucessivamente, as transformam"
Autor - Orlando Loureiro Neves
//VER DETALHE
"de consciência em cal ou metal obscuro"
Autor - Orlando Loureiro Neves
//VER DETALHE
"E já não é por si que a presença existe ou"
Autor - Orlando Loureiro Neves
//VER DETALHE
"subsiste o que separa. Destroem as sementes"
Autor - Orlando Loureiro Neves
//VER DETALHE
"apodrecem como um sopro e não são remanso"
Autor - Orlando Loureiro Neves
//VER DETALHE
"na areia ou domadoras de chamas. Igualam-se"
Autor - Orlando Loureiro Neves
//VER DETALHE
"à água, para serem raiz do que se cala"
Autor - Orlando Loureiro Neves
//VER DETALHE
>>

Nota:
As rimas são obtidas com base nas últimas 3 letras da palavra, e não com base na fonética.
Publicidade

Facebook
Publicidade

Publicidade

© Copyright 2003-2021 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE