Publicidade

Miguel Torga

Portugal
12 Ago 1907 // 17 Jan 1995
Escritor/Poeta

Publicidade
Não me sinto um destruidor; o que quero é que tudo nasça com a força que as cousas verdadeiras e naturais merecem, e que o ranço velho não estrague o azeite novo.

Diário (1946)

Citação em Imagem

Não me sinto um destruidor; o que quero é que tudo nasça com a força que as cousas verdadeiras e naturais merecem, e que o ranço velho não estrague o azeite novo. - Miguel Torga - Frases




Publicidade

Facebook
Publicidade

Inspirações

A Boa Sorte

Publicidade

© Copyright 2003-2021 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE