Publicidade

John Locke

Inglaterra
29 Ago 1632 // 28 Out 1704
Filósofo

Publicidade

Interpretação Facciosa

Comentários geram comentários, e explicações dão novos motivos para explicações. [... ] Não ocorre com frequência que um homem de capacidade comum entende muito bem um texto ou uma lei que ele lê até que vá consultar um comentarista ou procure conselheiros, os quais, quando tiverem terminado de lhe explicar, fazem as palavras não significar coisa alguma ou significar o que ele desejar?
(...) Hás-de concordar comigo, creio, que não existe coisa alguma em que os homens mais se enganam e desencaminham outros do que na leitura e escrita de livros, [mas] não discutirei se os escritores desencaminham os leitores ou vice-versa: pois parecem ambos dispostos a enganar e ser enganados.

John Locke, in 'Ensaio Sobre o Entendimento Humano' e 'Memorando enviado a John Freke'




Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook
Publicidade

Publicidade

© Copyright 2003-2021 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE