Florbela Espanca

Portugal
8 Dez 1894 // 8 Dez 1930
Poetisa

20 Textos

>>

Amar Intensamente (1)

De que vale no mundo ser-se inteligente, ser-se artista, ser-se alguém, quando a felicidade é tão simples! Ela existe mais nos seres claros, simples, compreensíveis e por isso a tua noiva de dantes, ...
Correspondência

Só se Pode Ser Feliz Simplificando (2)

Só se pode ser feliz simplificando, simplificando sempre, arrancando, diminuindo, esmagando, reduzindo; e a inteligência cria em volta de nós um mar imenso de ondas, de espumas, de destroços, no meio...
Diário do Último Ano

Gosto das Belas Coisas Claras e Simples (3)

Para quê alcançar os astros?! Para quê?! Para os desfolhar, por exemplo, como grandes flores de luz! Vê-los, vê-os toda a gente. De que serve então ser poeta se se é igual à outra gente toda, ao reba...
Correspondência

Viver é não Saber que se Vive (4)

Ponho-me, às vezes, a olhar para o espelho e a examinar-me, feição por feição: os olhos, a boca, o modelado da fronte, a curva das pálpebras, a linha da face... E esta amálgama grosseira e feia, grot...
Diário do Último Ano

Tenho Saudades da Carícia dos Teus Braços (5)

Tenho saudades da carícia dos teus braços, dos teus braços fortes, dos teus braços carinhosos que me apertam e que me embalam nas horas alegres, nas horas tristes. Tenho saudades dos teus beijos, dos...
Correspondência

Amar não é Ser Egoísta (6)

Tenho a certeza que tu és o meu maior amigo, o mais dedicado, o melhor de todos. Como eu o vi hoje bem! Como tu és leal e bom! Tão diferente de todos os outros homens que para te pagar o que no futur...
Correspondência

O Dom Milagroso de um Grande Amor (7)

Na vida de toda a gente há braçados floridos dessas tolices sem importância. Só a raros eleitos é dado o milagroso dom de um grande amor. Eu teria muita pena que o destino não me trouxesse ess...
Correspondência

O Sucesso para um Grande Amor (8)

Estou contente porque a minha querida não tem ainda o afecto exclusivo e único que há-de sentir um dia por um homem, apesar de todas as suas teorias que há-de ver voar, voar para tão longe ainda!... ...
Correspondência

A Única Coisa que Desculpa o Casamento é o Amor (9)

Na carta que lhe escrevi dava-lhe, como me tinha pedido, a minha opinião sobre o casamento. É a seguinte: acho o casamento uma coisa revoltante! E isto por uma única razão mas que para mim é tudo, pa...
Correspondência

Vim para os Teus Braços Chicoteada pela Vida (10)

Então tu pensas que há muitos casais como nós por esse mundo? Os nossos mimos, a nossa intimidade, as nossas carícias são só nossas; no nosso amor não há cansaços, não há fastios, meu pequenito adora...
Correspondência
>>

Facebook

Inspirações

Rirmos Juntos

© Copyright 2003-2019 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE