Publicidade

Albano Martins

Portugal
n. 6 Ago 1930
Poeta

Publicidade

Dormir um Pouco...

Homenagem a Federico García Lorca

Dormir um pouco — um minuto,
um século. Acordar
na crista
duma onda, ser
o lastro de espuma
que há no sono
das algas. Ou
ser apenas
a maré, que sempre
volta
para dizer: eu não morri, eu sou
a borboleta
do vento, a flor
incandescente destas águas.

Albano Martins, in "Castália e Outros Poemas"




Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook
Publicidade

Inspirações

A Boa Sorte

Publicidade

© Copyright 2003-2021 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE