Publicidade

Francisco José Lahmeyer Bugalho

Portugal
26 Jul 1905 // 29 Jan 1949
Poeta

Publicidade

Dúvida

Eu corro atrás da memória
De certas coisas passadas
Como de um conto de fadas,
De uma velha, velha história...

Tão longe do que hoje sou
Que nem sei se quem recorda
Foi aquele que as passou,
Ou se apenas as sonhou
E agora, súbito, acorda.

Francisco Bugalho, in "Canções de Entre Céu e Terra"
// Consultar versos e eventuais rimas




Publicidade

Publicidade

Outros Poemas de Francisco José Lahmeyer Bugalho:

Publicidade

Facebook
Publicidade

Inspirações

O Desejo e a Posse

Publicidade

© Copyright 2003-2021 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE