Henry Louis Mencken

Estados Unidos
12 Set 1880 // 29 Jan 1956
Escritor

O Crédulo

A fé pode ser definida em resumo como uma crença ilógica na ocorrência do improvável. Ela contém um saber patológico; extrapola o processo intelectual normal e atravessa o viscoso domínio da metafísica transcedental. O homem de fé é aquele que simplesmente perdeu (ou nunca teve) a capacidade para um pensamento claro e realista. Não que ele seja uma mula; é, na realidade, um doente. Pior ainda, é incurável, porque o desapontamento, sendo essencialmente um fenómeno objetivo, não consegue afectar a sua enfermidade subjectiva. A sua fé apodera-se da virulência de uma infecção crónica. O que ele diz, em suma, é: “Vamos confiar em Deus, Aquele que sempre nos enganou no passado”.

Henry Mencken, in 'O Livro dos Insultos (1920)'




Facebook

© Copyright 2003-2019 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE