Publicidade

Agostinho da Cruz

Portugal
1540 // 1619
Frade/Poeta

Publicidade

Da Emenda

Concluido me tendo a mi comigo
De deixar o caminho que levava,
Vendo com razões claras quanto errava
Em não me desviar do mais antigo.

Pois no trabalho seu, no mor perigo,
Meu amigo consigo a mi me achava;
E quando no meu mal algum buscava,
Achava-me comigo sem amigo.

Agora dei a volta por caminhos
De solitarios bosques enramados,
De feras bravas mansos passarinhos;

Que ainda que entre espinhos conversados,
Mais quero pé descalço entre espinhos,
Que dos homens humanos espinhados.

Frei Agostinho da Cruz (Agostinho Pimenta), in 'Sonetos'




Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook
Publicidade

Inspirações

O Que Está Certo

Publicidade

© Copyright 2003-2021 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE