Publicidade

Manuel Bandeira

Brasil
19 Abr 1886 // 13 Out 1968
Poeta / Professor / Tradutor

Publicidade

O Impossível Carinho

Escuta, eu não quero contar-te o meu desejo
Quero apenas contar-te a minha ternura
Ah se em troca de tanta felicidade que me dás
Eu te pudesse repor
- Eu soubesse repor -
No coração despedaçado
As mais puras alegrias de tua infância!

Manuel Bandeira, in 'Bandeira de bolso: uma Antologia Poética'




Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook
Publicidade

Inspirações

Amor Microscópico

Publicidade

© Copyright 2003-2021 Citador - Todos os direitos reservados | SOBRE O SITE